Mangá ‘Tokyo Tarareba Musume’ ganha adaptação em dorama

TokyoTMFelizes nós estamos, mas… E o final de Kuragehime?

O mangá josei Tokyo Tarareba Musume, de Akiko Higashimura (autora de Kuragehime), está ganhando uma adaptação em série de drama live action que tem estreia prevista para 2017. O drama será transmitido na emissora NTV às quartas-feiras.

Yuriko Yoshitaka (Tae Kojima no live action de Gantz) estrelará Rinko, a protagonista do mangá. Masatoshi Kato está produzindo a série e Yuuko Matsuda está cuidando do roteiro.

Na história, Kaori, Rinko e Koyuki são três mulheres solteiras que estão na casa dos 30. Elas não esperavam estar solteiras nessa idade e, com as Olimpíadas se aproximando, começam a se perguntar o que poderiam fazer.

Higashimura começou a obra, ainda em andamento, na revista josei Kiss, da editora Kodansha, em 2014. O sexto volume do mangá será lançado em 13 de setembro. A série tem mais de 1,8 milhões de cópias impressas e já foi nomeada na categoria de “Melhor Mangá Geral” na 40ª Premiação Anual de Mangás da Kodansha, além disso, rankeou em segundo lugar na lista da Kono Manga ga Sugoi! na categoria de melhores mangás para o público feminino em 2016.

O josei Kuragehime, de Higashimura, inspirou uma adaptação em anime em 2010 e um filme live action em 2014. O mangá Omo ni Naitemasu também inspirou uma série live action em 2013.


Compre a versão americana de Kuragehime na Amazon brasileira! Clique AQUI!

Anúncios

4 comentários sobre “Mangá ‘Tokyo Tarareba Musume’ ganha adaptação em dorama

  1. Adoro doramas 🙂
    Espero que a adaptação seja legal. Geralmente adaptações de mangás/animes são bem exageradas ^^”’
    Não curto muito esse exagero que eles fazem parecendo anime mesmo, mas quem sabe… o live de Orange e outros novos que saíram ficaram muito fofos ^^

    Curtir

    • Não vejo problema algum em usar a palavra “dorama” ao invés de “drama”, afinal de contas o termo é usual nesse ramo de apreciadores da cultura japonesa. Esteja a vontade para usar o que quiser, ninguém lhe obriga a nada. Aliás, só uma pequena correção: japoneses não falam “flango”, até porque não existe a letra “l” no alfabeto. Abraços. 😉

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s